VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

segunda-feira, 15 de abril de 2013

Preta&Gorda - Vidas (Com Sonia Regina de Brito)





Não sei o que é ser magra, nunca passei por essa experiência na vida, nasci gorda 4,5Kg e me mantenho até hoje assim, GORDA. Nunca enfrentei nenhum tipo de problema pessoal  por ser gorda, porque desde o começo associei o meu tipo físico com beleza, porque a criança gorda principalmente na minha época era sinônimo de saúde e beleza. Acreditei nisso e sempre me aceitei como: sou grandona, sou robusta, sou a maior da turma, eu tinha um certo orgulho de ser assim. Minha única dificuldade sempre foi e ainda  tenho um pouco é no momento de trajes mais curtos, na infância, o difícil foi na hora de fazer educação física, aí pintou uma vergonha danada, mesmo porque os meninos cantavam aquela musica "Olha o passo do elefantinho...." isso fez com que eu convencesse minha mãe a pedir dispensa para mim das aulas de educação física, aproveitando o fato de ser grandona, dizendo que eu ia trabalhar. 

 Hoje confesso é na hora da praia, de expor as celulites acho meio complicado, mas consigo dominar minha inibição. O fato é que minha maior dificuldade foi na adolescência quando eu tinha dinheiro para comprar roupa e não achava. Aí sim eu me frustrei. Só encontrava roupas bem senhoras, com cores escuras e modelos antiquados, preços altos e de péssima qualidade.

Esse sentimento de frustração e indignação e o espirito de empreendedora que me acompanhava desde criança fez com que eu desenvolve-se a atividade que hoje tenho: Confeccionista de moda Plus Size. Meu diferencial é que minha modelagem realmente veste uma mulher gorda que tenha quadril e bustos fartos. Procuro colocar na na nossa roupa tudo aquilo que uma gorda feliz gosta, decotes, ajustes, modernidade, cores atuais, vivas, que transmitam o prazer a alegria de viver bem consigo mesma. BIG QUEENS este é o nome da minha confecção, BIG QUEENS MODA PLUS SIZE-  Big Queens é um estilo de vida, a estilista sou eu mesma, embora eu esteja mais de 20 anos fazendo isso ainda não deu o "BUUMMMM", bem, agora entra a parte de ser  "MULHER PRETA E GORDA" aí o fardo fica bem mais pesado e até por uma questão cultural que já sabemos tudo acontece com muita lentidão.

Mas estou indo .... como negra tive apenas um mau momento quando exercia a função de CAIXA/BANCO ITAU - AG. 190 - Oswaldo Cruz - Paulista, no fim do expediente fica apenas um caixa atendendo e neste dia não era a vez do meu caixa, um cliente branco lógico encostou no meu caixa e queria que eu o atendesse de qualquer jeito, eu disse que se dirigisse ao determinado caixa ele esbravejou bem alto que: Isso que deu a Princesa Isabel libertar os negros que agora eles se  sentem no direito de não obedecer, o gerente foi falar com ele, e nada foi feito, todos riram e eu como uma alto defesa ri também para  demonstrar para ele que ele não tinha me atingido mais por dentro eu estava me remoendo. Hoje eu agiria de uma outra forma e abriria um processo contra ele. Me considero uma ser humano consciente de quem sou e vivo muito mas muito bem comigo mesmo. 

Dia 28/04/2013  as 16:00hs vou fazer um desfile OUTONO/INVERNO - no ESPAÇO CRUZ DA ESPERANÇA- Rua Marambaia - Ponte da Casa Verde - Capital - SP, muito frequentado por PRETAS/GORDAS - será num domingo no Show dançante do Grupo Balaio de Gato, swing de excelente qualidade, neste dia lançaremos também a nossa loja virtual, visando atingir um público maior que com certeza vão se deliciar com nossa moda simples, objetiva e sensual e principalmente com os nossos preços, porque somos contra a política que gordos tem que pagar três vezes mais.

Registro apenas uma queixa as mulheres gordas: infelizmente a maioria não tem o hábito de comprar roupas sempre... o processo é assim faz uma boa compra e só volta quando essas roupas acabarem, são clientes um tanto acomodadas isso dificulta muito os pequenos  empreendedores no ramo tendo que investir muito na divulgação em busca sempre de novos clientes, para dar continuidade nos negócios.


Acho muito legal a página de vocês e por isso me senti a vontade para deixar o meu depoimento, e falar de alegrias pois as tristezas já passaram. Beijos e muito sucesso para vocês.

http://pinterest.com/pinterest/