VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Facebook rejeita denúncias de racismo em foto na rede social

Já não é novidade pra uma militância ativa anti-racista que existe um enorme descaso e uma desestruturada política administrativa no que diz respeito ao Facebook. Quem acompanha o movimento negro na rede social, testemunha todos os dias, postagens racistas feitas pelas mais diversas páginas. Todas as páginas são denunciadas, chegam até sair do ar, contudo o conteúdo que ofende diretamente negros de todo Brasil e mundo não são rigorosamente proibidos. 

Obviamente que as denúncias não são somente às páginas. Usuários racistas divulgam seu racismo por aí sem a menor vergonha, como se na rede social não tivéssemos de respeitar o outro. Alias, a falta de respeito no Facebook é recorrente. Até mesmo fotos com conteúdo racistas, postada por usuários são denunciadas e nem sempre são excluídas, conforme notícia abaixo. 

Engraçado que se eu for publicar a foto de um nu artístico, sou ameaçada de ter minha conta bloqueada. Conceitos estranhos, não?

Segue a notícia:


Usuários denunciaram foto postada na noite de segunda-feira (19).

Rede social responde que imagem ‘não viola padrão da comunidade’.




O Facebook rejeitou denúncias de usuários brasileiros sobre uma foto com conteúdo racista publicada na noite de segunda-feira (19) no perfil de uma usuária da rede social.

O conteúdo postado usa a imagem de uma cena do filme "Planeta dos Macacos: A Origem" e faz menção ao sistema de cotas em universidades.


“Nós revisamos a foto que você reportou como assédio moral e achamos que ela não viola o padrão de nossa comunidade em relação a assédio moral ou sexual”, respondeu o Facebook ao usuário Pedro Moraes, que enviou uma imagem com a resposta da empresa ao G1. (veja abaixo a íntegra em inglês).
Resposta do Facebook rejeitando denúncia feita por usuário Pedro Moraes na rede social. (Foto: Reprodução/Facebook.com)Resposta do Facebook rejeitando denúncia feita por usuário Pedro Moraes. (Foto: Reprodução/Facebook.com)
De acordo com Moraes, outro usuário da rede social, que também denunciou a postagem, recebeu a mesma resposta do Facebook.

Procurado pelo G1, o Facebook Brasil respondeu que não comenta casos específicos.

Fonte: G1