VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Movimento tenta derrubar liminar na Justiça e promete protesto contra comércio no Dia da Consciência Negra em Londrina

Faltando dois meses para o Dia da Consciência Negra, comemorado no dia 20 de novembro, o movimento negro já se mobiliza para a data e tenta derrubar na Justiça a liminar concedida ao Sindicato do Comércio Varejista de Londrina (Sincoval) que permite a abertura do comércio.

Movimento tenta derrubar liminar na Justiça e promete protesto contra comércio no Dia da Consciência Negra em Londrina

Dia da Consciência Negra é comemorado na data da morte
de Zumbi dos Palmares

O presidente do Fórum das Entidades Negras de Londrina (Fenel), Edmundo Novaes, informou que hoje correm três ações tentando derrubar a liminar dada pela 1ª Vara da Fazenda Pública. Prefeitura de Londrina, Conselho de Promoção da Igualdade Racial e Sindicato dos Trabalhadores no Comércio (Sindecolon) entraram com recursos.


Caso a briga judicial não tenha o resultado pretendido, o movimento negro fará uma mobilização em frente às lojas, pedindo respeito à data. "Vamos parar em frente e gritar palavras de ordem, no sentido de que possam fechar a loja, pela memória da comunidade negra de Londrina e do Brasil. Vamos fazer mobilização, vamos convocar toda a população para estar junto de nós no que é um feriado municipal", informou na manhã desta terça-feira (17).




No início de maio, o juiz da 1ª Vara de Fazenda Pública, Marcos José Vieira, concedeu uma liminar ao Sincoval que permite a abertura do comércio no dia 20 de novembro e impede o município de autuar os estabelecimentos que estiverem de expediente.