VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

Preta, Gorda e Lutadora de MMA - Com Viviane Santana




Meu nome é Viviane Santana, e no mundo das artes márcias, sou conhecida como Vivi Tempestade. Iniciei minhas atividades com dez anos no Karatê estilo Shotokan, onde permaneci por um ano. Sofri muito preconceito por ser a única aluna e por ser gordinha. Depois de sair do Karatê fiquei muitos anos sem praticar qualquer modalidade de luta. Anos mais tarde casei-me e meu marido me apresentou a duas novas modalidades de luta. 





A primeira foi a capoeira, e a segunda foi o judô. No judô depois de muita insistência, comecei a praticar com o professor Roberto Mesquita, a quem devo muito, pois eu mesma limitava minhas possibilidades por achar que minha estatura, meu peso seriam meus maiores inimigos, e ele me mostrou que nada seria impossível se eu determinasse um objetivo na minha vida. Anos depois, seguindo meu marido em busca de novos desafios, me matriculei na aula de Muay Thay, e ele ao lado na aula de MMA. Durante os treinos, minhas aulas acabavam uma hora antes da aula do meu marido, eu ficava esperando o término das aulas dele e naturalmente surgiu o convite para participar das aulas de MMA. Foi como conheci o professor Alexander Fernandes GFTeam Oswaldo Cruz. A partir desde momento decidi elevar meus conhecimentos e procurei uma nova academia de Muay Thay, foi quando conheci o professor Anderson Musgo e o instrutor Luizinho Predador, ambos me incentivaram e me mostraram que eu sempre posso caminhar quando acreditar que já dei meu 100%. Continuando em busca de novos aprendizados e novos desafios, fui apresentada a academia Team Nogueira pelo professor Anderson Musgo,  treino com o professor Rafael Barbosa e atualmente tornou-se o meu CT principal.




Como modelo tive a oportunidade de figurar na Revista BsB, onde tive uma ótima experiência que quero repetir mais vezes. Hoje sei que posso dizer que nós Plus Size podemos conquistar tudo o que quisermos, nosso limite é nossa imaginação e força de vontade.